Como a escola pode apoiar os alunos em momentos de insegurança?

Diálogo entre pais e filhos é fundamental para ajustar a rotina na quarentena
30 de maio de 2020

Conversar sobre a situação, abrir espaço para ouvir as crianças e responder dúvidas são alguns dos caminhos

Seja na preparação para uma prova ou um intercâmbio e, agora, em uma situação de crise na saúde pública, a atuação da escola inclui apoiar os alunos em momentos de insegurança.

Para lidar com o cenário de pandemia do Covid-19, a Escola Roberto Norio reforça a importância da empatia, da cooperação e do diálogo. Pensar de forma comunitária, se colocar no lugar dos outros e agir para o bem comum são valores que a escola passa no dia a dia para acolher os alunos e promover a união entre eles.

“Antes das aulas serem suspensas, fizemos todo um trabalho com as crianças. Conversamos muito, explicamos a situação, abrimos espaço para eles falarem, respondemos dúvidas e orientamos sobre a importância dos cuidados com a higiene e como manter o contato com os avós por meio de recursos tecnológicos. Dar essas informações e propiciar o diálogo contribuem para que eles passem por esse período de forma mais tranquila”, diz Ana Lucia Camargo Lima, coordenadora pedagógica da Escola Roberto Norio.

Agora, mesmo com as aulas presenciais suspensas, a comunicação permanece constante e diária. Os educadores da escola apoiam os alunos durante as aulas e em outros momentos do dia, para tirar dúvidas, ouvi-los e acompanhar o desenvolvimento de cada um.

Também como forma de tranquilizar as crianças e ajudá-las a lidar melhor com esse momento, a escola sugeriu que os alunos mais velhos, do Ensino Fundamental, façam um diário desse período. A ideia é que seja um registro pessoal, de forma livre, no suporte que preferirem — num caderno ou de forma digital — e com a inclusão desenhos ou fotos, como quiserem. As famílias também foram convidadas a participar desses relatos. “Assim, eles poderão escrever sobre o que estão fazendo e expressar o que estão sentindo, além de terem, posteriormente, um registro desse momento histórico. Daqui um tempo, revisitar esses registros também será importante para mostrar como superaram essas dificuldades”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *